Baiana de corpo e alma e paulistana por opção. Jornalista, corredora, mãe de dois, esposa, escritora e influenciadora digital. Ligada no 220v, mas amante da preguiça, do vinho, de uma boa cozinha e de Wi-Fi. Viajante de carteirinha: por terra ou por ar, correndo ou pedalando, com os filhos ou sem eles. Mulher, mãe e dona das próprias vontades.

3 Comentários

  1. Leila Barbosa
    @

    adorei seu texto Nanna!!eu e a Ananda conhecemos bem isto, afinal , foram apenas 11 mudanças!!!Td de bom pra vc no novo espaço.Bjs

    Reply

  2. Christianne Teixeira Fiusa Gabriele
    @

    Eu também sei o que é isso Nanna, mas o mais importante é acreditar e ter em mente que esta mudança também será maravilhosa! Estar aberta para as novidades e abraçar este novo recomeço é o segredo para nos sentirmos melhor.
    As amizades verdadeiras continuam independente do tempo e lugar, pois “longe é um lugar que não existe”(S.E)

    Reply

  3. O bem que um amigo faz - dicademae.com
    @

    […] São Bernardo. Do pânico que ele tinha de não conseguir fazer amigo. Das primeiras conquistas. (tem post chororô aqui!) E ontem, ao vê-lo gargalhar com os amigos (aquela risada gostosa, sabe?!), eu me emocionei. Que […]

    Reply

Comente!