A escolha da escola

Gabriel tinha um ano e dois meses, estava começando a andar e eu ainda o deixava em casa com uma secretária/babá. A gente não queria alguém grudado nele 24h por dia, então a pessoa que trabalhava em nossa casa fazia as vezes de babá nos momentos que eu saia para trabalhar. Até o dia que […]

leia mais >>>