Baiana de corpo e alma e paulistana por opção. Jornalista, corredora, mãe de dois, esposa, escritora e influenciadora digital. Ligada no 220v, mas amante da preguiça, do vinho, de uma boa cozinha e de Wi-Fi. Viajante de carteirinha: por terra ou por ar, correndo ou pedalando, com os filhos ou sem eles. Mulher, mãe e dona das próprias vontades.

3 Comentários

  1. Tânia Ramos
    @

    Boa tarde

    O meu filho também foi diagnosticado com sindrome de pfapa… já la vão 3 anos … mas este ano as crises estão a ser com mias frequencia o que não é normal tendo em conta o historico anterior.

    Qual era a priocidade das crises?

    Beijinhos mamã Tânia de portugal,

    Reply

  2. Viviane
    @

    Oi. Meu filho hoje com 10 anos, tem a síndrome de PFAP . Foram anos de sofrimento até chegar no diagnóstico . A crise ainda não passou, então o médico está avaliando a possibilidade de retirada das amígdalas . As crises ultimamente estão muito frequentes tipo de duas em duas semanas. Ando bem preocupada .
    Nossas vidas estão nas mãos de Deus.
    Bjus no coração

    Reply

  3. Wanessa ferreia
    @

    Olá, minha filha de 2 anos está desde de maio tendo febre a cada 15 e 20 dias febre altas que não baixam com paracetamol ,só com Dipirona mesmo assim o primeiro dia a febre vem de 4 em 4 horas e não fica abaixo de 37.8,dei predizim algumas x só assim pra temperatura abaixar e ficar mais tempo sem febre.porem já passamos por vários médicos e tive muitos diagnósticos um deles foi dessa síndrome de pifapa , porém até hj não consegui um pediatra que me confirme isso ,e todos dizem que não é, por ser uma síndrome rara,estou desesperada não sei como fazer com minha filha,alguém pode me ajudar!compartilhar comigo suas experiências com essa ou outra doença que causa essas febres.

    Reply

Comente!